Estrias

estrias-dermatologia-e-saude-350x300Estrias quando largas e numerosas são extremamente inestéticas. Porém, com o tratamento adequado consegue-se importante melhora

Estrias são marcas lineares brancas, ou vermelho arroxeadas, quando recentes. Acometem principalmente a região dos glúteos , coxas, mamas, dorso e braços. Podem ser múltiplas , extensas, largas, e alguns casos são extremamente inestéticas.

Causas

Tecnicamente, estrias são cicatrizes do tipo atrófica, resultado do comprometimento das fibras elásticas e colágenas. Surgem após distensão aguda da pele ou como consequência do uso de algumas medicações.

Principais causas do surgimento de estrias:

  • Estirão de crescimento na puberdade
  • Ganho rápido de peso;
  • Aumento abrupto da massa muscular;
  • Gravidez;
  • Cirurgia para aumento da mama;
  • Síndrome de Cushing;
  • Uso de corticoides tópico ou oral.

Tratamentos

Existe uma gama variada de tratamentos:

  • Peelings com diversos tipos de ácidos;
  • Microdermoabrassão;
  • Transcisão;
  • Lasers diversos , ablativos e não ablativos;
  • Microagulhamento;
  • Luz intensa pulsada;
  • Radiofrequência fracionada;
  • Técnica de microinfusão de substâncias na pele.

O tratamento deve ser escolhido de acordo com o fototipo do paciente (cor da pele) e com o tipo da estria (cor da estrias, largura, extensão, localização, entre outros).

De uma maneira geral, os melhores resultados são obtidos quando se associam múltiplos procedimentos, como por exemplo lasers + transcisão + peelings.

O tratamento garante uma importante melhora na maioria dos casos. Tanto as estrias recentes (mais avermelhadas e inchadas) como as tardias (brancas e levemente deprimidas) têm potencial para melhorar igualmente.



Sobre o autor

3 comentários em “Estrias”

  1. Pingback: A pele do homem - Dermatologia e Saude

  2. Pingback: Resurfacing com laser - Dermatologia e Saude

  3. Pingback: Laser de CO2 fracionado - Dermatologia e Saude

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *