Home » Unhas e Cabelos » Micose nas unhas que não melhora? Pode ser onicomatricoma

Micose nas unhas que não melhora? Pode ser onicomatricoma

Você está tratando de uma micose nas unhas há muito tempo e não tem notado nenhuma melhora? Fique atento: pode não ser uma micose, e sim um tumor raro chamado onicomatricoma.

Micose nas unhas

O que é onicomatricoma?

Onicomatricoma é um tumor benigno raro da raiz da unha. Ele forma projeções, como pequenos “dedinhos”, que invadem a lâmina ungueal, causando alterações no seu formato e cor. Só foi reconhecido como uma doença das unhas em 1994, e por ser relativamente “novo” ainda é desconhecido de alguns médicos.

Fatores de risco do onicomatricoma

O onicomatricoma é duas vezes mais comum em mulheres. Costuma surgir após os 50 anos de idade, afetando mais as unhas das mãos. É mais recorrente em indivíduos brancos.

Como reconhecer

O onicomatricoma cresce a partir da raiz da unha, invadindo a lâmina ungueal e causando alterações visuais. Estas alterações são agrupadas em quatro características que nos ajudam a pensar no diagnóstico:

  • Faixa amarelada na unha
  • Pequenos hematomas em “estilhaço”
  • Alteração da curvatura da lâmina ungueal
  • Pequenos túneis ou poros na lâmina ungueal (cavitações).

Pela coloração amarelada e pelo aumento da curvatura da unha, o onicomatricoma se confunde com uma micose de unha e acaba levando o paciente a procurar o médico dermatologista. Este tumor benigno costuma ser indolor. O dermatologista pode usar a dermatoscopia para ajudar no diagnóstico. Eventualmente, a ultrassonografia e a ressonância magnética também podem ser úteis.

Eu tenho onicomatricoma e agora?

O onicomatricoma é um tumor benigno que não costumar causar dor nem desconforto. Seu tratamento é cirúrgico.



Dr. Gustavo Alonso PereiraDr. Gustavo Alonso Pereira
Médico Dermatologista
CRM-SP 97410 | RQE 37815

Outros artigos deste colunista em www.dermatologiaesaude.com.br zoom in

Encontre-me no Google


Assinatura padrão

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *