Home » Unhas e Cabelos » Cuidados com cabelos crespos

Cuidados com cabelos crespos

Cada vez mais homens e mulheres decidem manter o aspecto e a beleza natural dos fios. Porém, para ressaltar ao máximo a beleza característica do seu cabelo, você precisa aprender quais as diferenças entre os diversos tipos de fios e como cuidar de cada um deles.

Cabelo crespos
A beleza natural dos cabelos cacheados.

Os cabelos asiáticos, caucasianos ou étnicos são formados pela mesma composição química, porém variam muito em suas características estruturais. Conforme a herança genética de cada pessoa vemos uma diversidade de formas, diâmetros, brilho, qualidade e comprimento de fios.

Quais as diferenças entre os tipos de cabelos?

Cabelos lisos: ao cortar o fio transversalmente, podemos observar que ele se mostra arredondado/cilíndrico, e que a proteína queratina é distribuída de maneira uniforme em torno da haste. Isso faz com que este tipo de cabelo tenha uma lubrificação natural melhor, uma vez que a oleosidade do couro cabeludo consegue “escorrer” melhor ao longo do fio. Além disso, tem maior resistência a quebra quando penteados.

Cuidados com cabelos crespos
Cabelos cacheados necessitam de cuidados especiais.

Cabelos ondulados: possuem aspecto ovalado no corte transversal e a queratina está depositada em maior quantidade em uma das extremidades da haste.

Cabelos crespos: possuem formato elíptico, podendo chegar a ficar achatado em forma de fita. A queratina tem distribuição irregular, gerando um aspecto espiralado, com áreas de afinamento e outras de dilatação ao longo do fio. Quebram com maior facilidade ao pentear. Quanto maior a irregularidade da queratina e achatamento da haste maior será a dificuldade de uma lubrificação uniforme e efetiva. Exatamente por isso os cabelos crespos e ondulados merecem atenção especial e necessitam de tratamentos mais frequentes.

Quais cuidados são importantes no dia a dia?

  • Na lavagem evite usar shampoos com grande potencial detergente, pois eles irão aumentar o frizz. Dê preferência aos shampoos específicos para cabelos crespos ou quimicamente tratados, pois estes produtos realizam uma limpeza mais suave do fio e geralmente possuem substâncias nutritivas e hidratantes em suas formulações. Evite shampoos de limpeza profunda ou para cabelos oleosos.
  • Evite água quente no banho, que predispõe à dermatite seborreica do couro cabeludo, com descamação e coceira, além de ressecar ainda mais o comprimento dos fios.
  • Desembarace os fios ainda úmidos, com pente de dentes largos, iniciando pelas pontas e somente depois a raiz. O pente feito de madeira é que o gera menor eletricidade e arrepiados nos fios.
  • Ao secar com a toalha, faça movimentos leves e evite torcer os fios.
  • Sempre que possível deixe os cabelos secarem naturalmente, o calor do secador e da prancha produzem danos à haste dos fios.
  • Quando for necessário secar os cabelos com secador, aplique antes um protetor térmico e regule o aparelho em uma temperatura mais baixa.
  • Quando usar o difusor é importante encostar o aparelho em cada mecha e esperar secar. Não mantenha o aparelho em movimento antes de secar completamente a mecha, pois irá deixar um aspecto esvoaçado.
  • Faça hidratações frequentes com máscaras à base de óleos naturais como abacate, ojon, argan ou manteiga de karité e intercale com tratamentos reconstrutores contendo proteínas como a queratina. Produtos que contém silicone contribuem, pois formam um filme impermeável ao longo do fio, impedindo a perda de água.
  • Não se esqueça de que um corte de cabelo adequado é essencial para controlar o volume excessivo e ajudar seu cabelo a formar cachos bonitos e definidos.


Dra. Gabriela Pfitzer SchaeferDra. Gabriela Pfitzer Schaefer
Médica Dermatologista
CRM-SC 12965 | RQE 10072

Outros artigos desta colunista em www.dermatologiaesaude.com.br zoom in

Encontre-me no Google


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *