Home » Câncer de Pele » Pele e sol

Pele e sol

pele-e-sol-dermatologia-e-saude-350x300Cuide da sua pele quando se expor ao sol

O sol é o principal responsável pelo envelhecimento da pele e pelo surgimento do câncer. Então aprenda como aproveitar o melhor do sol protegendo sua pele:

– Aplique filtro solar com fator de proteção solar (FPS) no mínimo 30

FPS é Fator de Proteção Solar e significa que usando um filtro com FPS 30 sua pele levará 30 vezes mais tempo para ficar vermelha do que sem proteção. Quanto mais alto o valor do FPS, maior a proteção que o filtro solar oferece.

– Use protetores solares eficazes contra os raios UVA (PPD) E UVB (FPS)

O raios UVB são responsáveis pela queimadura solar e os UVA são associados ao envelhecimento/rugas e ambas são responsáveis pelo câncer de pele. Verifique se o filtro solar possui PPD (valor que mede a proteção UVA) pelo menos metade do valor do Filtro solar (FPS). A Radiação UVA atravessa vidros, sendo assim mesmo dentro de casa ou do carro podemos estar expostos a ela.

– Aplique filtro solar 20- 30 minutos antes de sair ao sol

O protetor solar deve ser aplicado 20- 30 minutos antes da exposição solar para que possa ser absorvido pela pele.

– Aplique uma quantidade generosa de filtro solar

Os adultos devem aplicar em torno de 30 gramas nas áreas expostas ao sol. Não se esqueça de aplicar nas orelhas, pescoço, pés e lábios. Na face deve ser aplicada uma quantidade equivalente a uma colher de chá rasa e no corpo três colheres de sopa.

– Aplique o filtro solar a cada 2- 3 horas

Reaplicar o produto a cada duas horas ou menos, principalmente nas atividades de lazer ao ar livre.

– Filtro solar deve ser usado diariamente

Use filtros solares diariamente, e não somente em horários de lazer ou diversão. A exposição à radiação ultravioleta (UV) tem efeito cumulativo e não somente em horários de lazer ou diversão. A radiação UV atravessa as nuvens, assim é fundamental usar o protetor solar independente da estação do ano.

– Mormaço também queima

A radiação ultravioleta (UV) afeta as pessoas também quando está nublado. Mesmo nestes dias, até 80% da radiação pode atravessar as nuvens e chegar à Terra. Portanto, o filtro solar deve ser usado todos os dias, mesmo quando o tempo estiver frio ou nublado. É importante lembrar que todas as pessoas têm risco de desenvolver câncer de pele devido à exposição aos raios UV. Estes podem ser refletidos pela areia e concreto atingindo a pele mesmo em locais de sombra.

– Evite se expor ao sol entre 10 e 16 horas

Este é o intrevalo de horas com maior incidência de raios ultra-violeta B. Procure ficar na sombra neste horário.

– Evite exposições prolongadas e repetidas ao sol

Queimaduras solares acumuladas durante a vida predispõem ao câncer da pele. A radiação solar penetra profundamente na pele, sendo capaz de provocar diversas alterações (bronzeamento, surgimento de pintas, sardas, manchas, rugas e outros problemas). A exposição solar em excesso também pode causar tumores benignos (não cancerosos) ou cancerosos (como o carcinoma basocelular, o carcinoma espinocelular e o melanoma).

– Reaplique o filtro solar após nadar ou suar

Mesmo aqueles protetores que são a prova d’agua oferecem proteção falha após contato com a água. Então após entrar no mar ou piscina ou após suar, é necessário secar e reaplicar o filtro solar.

– O bronzeamento ocorre gradualmente

É nencessário 48 a 72 horas para produzir e liberar a melanina, pigmento que dá cor à pele. Portanto, não adianta querer se bronzear em um só dia. Você só vai se queimar!

– Pessoas com fototipos I e II (pele, cabelos e olhos claros ) exigem maiores cuidados, pois são mais propensas ao câncer da pele

Pessoas claras raramente se bronzeiam, geralmente se queimam ou ficam com a pele vermelha. Portanto não insista em querer se bronzear.

– Use sempre bonés, chapéus, barracas de praia e óculos de sol

Na praia ou na piscina, use barracas com tecidos grossos, que absorvem 50% da radiação ultravioleta. Mesmo assim use o filtro solar pois parte da radiação UV reflete-se na areia atingindo a sua pele.

É preciso complementar as estratégias de fotoproteção com roupas que cubram as áreas expostas como uma camisa de manga comprida, calças e um chapéu de abas largas.

– A proteção das crianças é muito importante

Cerca de 75% da radiação solar acumulada durante a vida ocorre nos primeiros 20 anos de idade, por isso é muito importante proteger as crianças e adolescentes.
Os filhos devem aprender o uso do filtro solar, assim como aprendem a escovar os dentes e tomar banho. Estimule o hábito de usar protetor solar diariamente em seus filhos.



Dra-Fabiola-de-Paula-Pereira-TakeutiDra. Fabíola de Paula Pereira Takeuti
Médica Dermatologista
CRM-SP 119874 | RQE 40586

Outros artigos desta colunista em www.dermatologiaesaude.com.br zoom in

Encontre-me no Google


Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *