Home » Minha Pele » Laser de CO2 fracionado

Laser de CO2 fracionado

Imaginem se a pele pudesse se regenerar, melhorando cicatrizes e revertendo sinais do envelhecimento? Esta é a proposta do laser de CO2 fracionado.

Laser de CO2 fracionado

Como funciona o laser de CO2 fracionado?

O laser de CO2 fracionado causa ferimentos microscópicos em alguns pontos da pele. Essa pele é então eliminada e substituída por outra mais firme, viçosa, com redução de rugas e fechamento de poros, ocorrendo um verdadeiro rejuvenescimento facial.

Este laser promove também a atenuação de estrias recentes e antigas e cicatrizes de acne, cirúrgicas ou mesmo traumáticas. Pequenas lesões benignas como siringomas, xantelasmas e hiperplasias sebáceas também podem ser eliminadas com esta técnica.

Como nem todos os pontos da pele são tratados em uma mesma sessão, as áreas poupadas serão a fonte de recuperação da pele lesada. Este mecanismo (fracionamento) deixa o tratamento mais seguro, com menos efeitos colaterais. O número de sessões necessárias vai depender de cada indicação.

E como fica a pele após a aplicação?

Logo após a sessão, a pele fica inchada, avermelhada e toda pontilhadinha. Estes “pontinhos” representam a pele afetada pelo laser, e serão eliminados naturalmente em alguns dias. Este é um procedimento que pode necessitar de afastamento das atividades diárias, a depender da intensidade usada. Com o passar do tempo, ocorre a produção do colágeno novo e a melhora na qualidade da pele se torna visível.

Consulte o seu dermatologista antes de se submeter à qualquer tratamento estético. Ele é o seu maior aliado na manutenção da saúde e beleza de sua pele.



Dra. Valeria Crispim Baiocchi CappiDra. Valeria Crispim Baiocchi Cappi
Médica Dermatologista
CRM-GO 8244 | RQE 4538

Outros artigos desta colunista em www.dermatologiaesaude.com.br zoom in

Encontre-me no Google


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *