Home » Minha Pele » Afinal, o que adianta para olheiras?

Afinal, o que adianta para olheiras?

É hora de deixar de lado este olhar cansado e deprimido. Ao fazer uma busca rápida no Google, você descobre diversos tratamentos para olheiras. Mas o que de fato adianta? O primeiro passo é diagnosticar qual o seu tipo de olheira, pois para cada uma há um tratamento ideal.

Olheiras

O dermatologista lhe ajudará nessa etapa, realizando o diagnóstico correto, que algumas vezes não é tão simples. Basicamente, as olheiras podem ser de alguns tipos:

  • Olheiras vasculares: formadas por excesso de vasos sanguíneos
  • Olheiras pigmentadas: formadas por excesso de melanina ou hemossiderina (pigmento originado da hemoglobina de células do sangue)
  • Pelo surgimento da goteira nasolacrimal: a olheira fica profundo devido a formação de sulco na parte medial das pálpebras inferiores. Ocorre por conta da perda gradual da gordura neste local. As pálpebras se tornam mais encovadas e escurecidas.
  • Bolsas de gordura nas pálpebras: formam uma falsa olheira.

Como tratar

  • Olheiras pigmentadas podem ser tratadas com cremes clareadores e peelings superficiais. Existem diversos tipos de cremes e peelings que degradam tanto a melanina como a hemossiderina. Laser Nd Yag Q-Switched e a luz intensa pulsada atuam mais profundamente, conseguindo melhores resultados.
  • Quando o problema das olheiras é o excesso de vasos sanguíneos, o tratamento ideal é com o Pulsed Dye Laser ou com a luz intensa pulsada. Somente estas tecnologias conseguem “enxugar “ estes vasos.
  • A olheira profunda é tratada com preenchimento a base de ácido hialurônico. A resposta é imediata e muito satisfatória.
  • As bolsas abaixo dos olhos podem melhorar com cremes e drenagem. Quando mais intensas, opta-se por lasers ablativos (por exemplo o laser de Co2) , peelings médios e profundos, e pela cirurgia (blefaroplastia).
  • Bons hábitos de vida são fundamentais para prevenir as olheiras. Evite o fumo, bebidas alcoólicas, exposição solar sem proteção. Óculos escuros são sempre uma boa pedida.
  • Na hora de dormir, utilize travesseiros altos para melhorar a drenagem de líquidos no local. Durma o suficiente. Cada um tem sua necessidade de horas de sono. E dormir demais não ajuda!
  • Compressa gelada pela manhã diminui o inchaço matinal nas pálpebras.
  • Alimentos ricos em flavonoides (como chocolate amargo) e o Ômega 3 (salmão e nozes) melhoram a circulação nos vasos locais, e assim podem ajudar a reduzir olheiras.
  • Tratar a alergia, se houver, é fundamental. O ato de coçar provoca inchaço, pigmentação e rompimento de pequenos vasos no local. Infelizmente, não existe tratamento que traga a melhora definitiva para olheiras. Porém, adotando estas medidas simples e realizando o tratamento correto, você obterá grandes resultados.


Dr. Marcelo BrolloDr. Marcelo Brollo
Médico Dermatologista
CRM-RJ 5280769-9 |  CRM-DF 17867 | RQE 25054

Outros artigos deste colunista em www.dermatologiaesaude.com.br zoom in
Encontre-me no Google


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *