Home » Estética » Os melhores tratamentos para estrias – Parte 1

Os melhores tratamentos para estrias – Parte 1

Existem tratamentos para todo tipo de estria, independentemente da cor da pele

os-melhores-tratamentos-para-estrias-parte-1-dermatologia-e-saude-4Ao contrário do que muitos pensam, estrias antigas respondem aos tratamentos da mesma maneira que as estrias recentes. Vamos abordar os tratamentos mais utilizados pelos dermatologistas.

A estria é um tipo cicatriz atrófica. Isso significa que por debaixo das estrias há uma parte da pele com pouco colágeno. Por isso todos os tratamentos para melhorar estrias visam estimular a produção desta proteína naquele local.

As estrias recentes são avermelhadas ou violáceas, as vezes chegam a ser inchadas. As mais antigas são brancas, levemente deprimidas e geralmente são mais claras que a cor da pele. As estrias também podem ser largas ou finas.

Existe uma gama variada de tratamentos para estrias. A escolha depende de alguns fatores:

– Fototipo do paciente (cor da pele do paciente ): alguns tratamentos podem provocar manchas em pessoas morenas e negras;
– Tipo de estria: coloração, largura, extensão, tempo de surgimento, localização.

estrias recentes são avermelhadas.
Estrias recentes são avermelhadas e podem coçar.

A tabela abaixo mostra quais são os tratamentos indicados para a cor da pele e o tipo de estria e ainda dá uma ideia de número de sessões, nível de dor e custo :

os-melhores-tratamentos-para-estrias-parte-1-dermatologia-e-saude

No próximo texto, vamos esmiuçar essa tabela. Assim você vai poder entender como funcionam os diferentes tipos de tratamento.

Não percam “Os melhores tratamentos para estrias – Parte 2”



Dr. Marcelo BrolloDr. Marcelo Brollo
Médico Dermatologista
CRM-RJ 5280769-9 | CRM-DF 17867 DF

Outros artigos deste colunista em www.dermatologiaesaude.com.br zoom in

Encontre-me no Google


Tags:

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *