Home » Dicas » Vitiligo e laser

Vitiligo e laser

O laser chamado Excimer tem sua principal indicação no tratamento do vitiligo e consegue ser efetivo apresentando bons resultados em casos específicos. É uma opção como tratamento único ou em associação a outros tratamentos.

Vitiligo e Laser

  • Indicado para pacientes com menos de 20% do corpo acometido
  • Auxilia na eliminação das células inflamatórias que causam a doença
  • Estimula a migração das células que produzem a cor (melanócitos) para as áreas brancas
  • É seguro
  • Índices de melhora de 60 a 70%
  • Melhores respostas nas lesões da face
  • Mais indicado para lesões pequenas
  • Frequência das aplicações de 1 a 3x na semana
  • Intervalos maiores de 48h entre cada aplicação
  • Tempo médio para iniciar a pigmentação fica em torno de 11 sessões
  • Tempo de tratamento demora cerca de 12 semanas.

A doença

Vitiligo é uma desordem de pigmentação que consiste na perda parcial ou total de melanócitos levando ao aparecimento de manchas brancas. As manchas podem ser em pequeno número e tamanho, e alcançar até quadros desfigurantes nos quais grandes áreas são afetadas ou áreas de apelo estético impactante como a face.

O vitiligo pode ser denominado vulgar, acro-facial, mucoso, segmentar e universal. A forma mais comum é a vulgar, no qual as manchas brancas acometem a pele distribuindo-se simetricamente.

Causas

A causa da doença permanece pouco esclarecida, embora já se tenha profundo conhecimento sobre seu comportamento e fatores reconhecidos que servem para desencadear seu aparecimento, assim como doenças que estão envolvidas relacionadas a alterações da tireoide e deficiência de vitamina D, entre outros.

Tratamento

Como a doença tem comportamento variável, os tratamentos também variam entre aqueles já bem estabelecidos e de principal escolha até os que ainda em avaliação ou anedóticos. Um dos tratamentos disponíveis é o laser Excimer, descrito anteriormente neste artigo. Este seduz o portador da doença pelo apelo atual, gerando expectativa de resultados. É preciso esclarecer, que, como qualquer outro tratamento tem sua indicação e suas limitações com resultados positivos ou não e depende da resposta individual de cada doente.



Dra-Marta-Izabel-Cerutti-AlbeDra. Marta Izabel Cerutti
Médica Dermatologista
CRM-RS 14708| RQE 12477

Outros artigos desta colunista em www.dermatologiaesaude.com.br zoom in

Encontre-me no Google


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *